Coisa Boa: cervejas, schnapps e petiscos bem feitos

A belga Rodenbach: um espetáculo

Cervejas especiais estão ganhando mais casas dedicadas a elas. Empório Alto de Pinheiros, Sagarana, Ciao! Vino e Birra, por exemplo. Acaba de abrir, no Itaim, mais um, o Coisa Boa (eita, nominho bizarro!). Mas para se diferenciar nesse mercado tão inquieto de São Paulo, não basta ser especialista (ou dizer ser). É preciso vir com novidade. Preciso despertar curiosidade. O Coisa Boa faz isso com a carta com 25 schnapps, de diversos países.

Sanduíche de paleta cordeiro com cebola roxa, limão siciliano e alecrim

Segundo uma definição, “Schnapps, palavra alemã, é o termo genérico para todos brandies e aguardentes de frutas fermentadas. Os verdadeiros não tem açúcar adicionado, possuem sabor amargo, teor alcoólico acima de  30% e podem levar adição de ervas“. Ou seja: bebida forte e pra macho (de corpo ou alma). Eu curto beeeeem um schnapps, como o dinamarquês Gammel Dansk (cuja dose lá custa R$ 29)- feito com 29 tipos de ervas, especiarias e flores e amargão-, o francês Mirabelle (R$ 29)- de ameixa-, e o famoso alemão, Jägermeister (R$ 18). O schnapps nacional, oferecido nas versões graviola, pitanga e sapoti (R$ 12), estava em falta.

ótima porção de coxinha com creme caseiro de pimenta

Apetite devidamente aberto, mandei uma porção de ótimas coxinhas (R$ 25, 8 unidade), de massa cremosa, exterior fininho e de fritura crocante, frango temperado no ponto e gostoso creme de pimenta para acompanhar. Coxinhas, aliás, são uma marca do chef-consultor da casa, Victor Vasconcellos, chef do Numero e do Feed Food. Interessante também a Batatinha frita recheada com costela desfiada, assada por mais de 12 horas (R$ 28).

Então passei pra cerveja. Por enquanto eles não tem carta, então o negócio é levantar e escolher a sua na geladeira aberta. Boas opções belgas e francesas- como a sensacional, sour, com notas de uva e poderosa Rodenbach (R$ 58, 750ml ) e a dourada e frutada Grain D’Orge Cuvée (R$ 46, 750 ml)- mas ainda fraquíssimo em brasileiras e americanas. Se quiser, há um beer sommelier pronto para tirar suas dúvidas e fazer sugestões.

Cerveja francesa, schnapps dinamarquês: ooooopa!; o salão do Coisa Boa e a cerveja de geladeiras ao fundo; Batatinha frita recheada com costela desfiada, assada por mais de 12 horas

De volta a mesa, mais fome. Muito bom o Sanduíche de paleta cordeiro com cebola roxa, limão siciliano e alecrim (R$ 29) e a Linguiça de cordeiro na chapa com pão e vinagrete  (R$ 35). Bem bonita – mas não provei- a porção de pastel de camarão ao curry e alho poró (R$ 26, 6 unidades médias).

Foi uma tarde dominical divertida, coroada por um benfazejo encontro com amigos, daqueles que rolam sem marcar. A conta? Cara. Mas comi bem e bebi, idem. Só o serviço que ainda estava meio atrapalhado.

Coisa Boa: Rua Pedroso Alvarenga, 909, Itaim, tel.: 3073-0773

Fazer um comentário

Seja bem-vindo. Sua opinião é importante. Comentários ofensivos ou com identidades falsas serão reprovados.