Aguzzo: que comida boa… Que lasanha. Que nhoque.

Palmas para o Nhoque na manteiga e sálvia com filé à parmegiana. Delicadeza, a vemos por aqui.

Não fica em área badalada. Não tem fila de BMWs estacionados na porta. Não tem louças importadas, tampouco sommelier e chef famosos. Mas é um dos italianos mais apetitosos, com cozinha das mais refinadas, de São Paulo. Esse é oAguzzo, em Pinheiros, que acaba de ampliar o salão (ganhou um andar superior) para acomodar os clientes acostumados também a frequentar casas como Parigi, Tre Bicchieri e Due Cuochi. A adega cresceu junto e ocupa um bonito espaço no novo piso.

Mas não se empolgue: é low profile, mas não é barato. Bom, nada em São Paulo é barato…

Polenta com ragú de linguiça: entrada

Quando falo de cozinha refinada não me refiro a ingredientes caros ou raros, nem a preparações elaboradas e repletas de etapas– falo do primor das matérias-primas e da execução impecável. Falo da simplicidade e dos sabores puros. Para mim, o Aguzzo faz o melhor nhoque da cidade– absurdamente leve, que desaparece na boca na primeira fechada de mandíbula– e a melhor lasanha bolonhesa. Melhor, mesmo.

Taleggio e Grana Padano com mel trufado: antes da sobremesa

No meu último jantar lá, pedi um branco português (que esqueci o nome… R$ 59) e comecei a refeição com uma linda e encorpada polenta mole com ragú de linguiça (R$ 22). Tá, ok, o vinho não combinava muito, mas eu queria um branco e polenta com linguiça e ponto final. Para os principais, os pratos pelos quais mais tenho adoração no Aguzzo, tradicionalíssimos:  filé à parmegiana com nhoque na manteiga e sálvia (R$ 56) e lasanha à bolonhesa (R$ 48). Ai, ai… O filé fino e vermelho por dentro é encoberto por uma capa crocantíssima de pão ralado, gratinado com quantidade ideal de parmesão (odeio essa mania de botar o filé para boiar no tomate e no queijo), coroado por molho de tomate equilibrado. Ao seu lado, lindos nhoques que podem parecer grandes numa primeira olhada, mas basta comer um para notar que somem sutilmente na boca– o máximo da delicadeza.

E a lasanha.

Uma das preciosidades do Aguzzo: lasanha à bolonhesa

Ah, a lasanha.

Feita com patinho e lombo suíno moídos e cozidos numa mistura de temperos secreta, vinho branco e molho de tomates frescos, é delicada e montada sobre massa caseira finíssima. O queijo também joga no time da sutileza: ótima mussarela de búfala. Então, é levada ao forno para gratinar e trazida para o cliente super quente, extremamente aromática. De matar de boa.

Antes da sobremesa, taleggio e grana padano com mel trufado– há que se terminar o vinho.

Suflê de chocolate: demora 15 minutos, e vale cada um

Para o final, alto, aerado e fofo suflê de chocolate (R$ 19).     :)

Aguzzo: Rua Simão Álvares, 325, Pinheiros, tel: 11 3083-7363

Fazer um comentário

Seja bem-vindo. Sua opinião é importante. Comentários ofensivos ou com identidades falsas serão reprovados.