Barn: novo espaço, e cardápio, do Butcher’s Market

Meatballs Spaghetti: novo prato leva “almôndegas” feitas com uvas passas e pinoli

Desde sua inauguração, no primeiro semestre de 2011, o Butcher’s Market se tornou uma das hamburguerias mais lotadas da cidade. Mesmo derrapando no começo – usavam queijo processado e as fritas eram moles -, seu ambiente com climão mega novaiorquino e decoração bem pensada viraram seus maiores trunfos, atraindo muitos clientes. Esperto, o coreano Ryan Kim, o proprietário, viu nesse diferencial a oportunidade de crescer: alugou o pequeno imóvel acima da lanchonete, transformou num verdadeiro restaurante de Nova York – parabéns para quem decorou!- e incluiu comfort foods dos EUA no menu. Nasceu, há cerca de um mês, o Barn.

A decoração BEM novaiorquina, um dos maiores pontos fortes do Barn

São cerca de 35 lugares distribuídos entre mesinhas, uma pequena “sala de estar” com poltronas e luminárias, e o bar. No Barn pode-se pedir tudo o que é servido no Butcher’s, e vice-versa. Algo que achei bem esperto, já que o número de comensais ali é reduzido. No Barn estão os já famosos burgers como o Market Original (com agrião, alface, mussarela, bacon defumado, tomate e molho barbecue, R$ 29), o Shrimp (burger de camarão com inhame, alface, tomate e maionese de alcaparras, R$37), o OT (com picles, blue cheese, bacon defumado, onion rings, molho doce apimentado, R$ 29), o gostoso pork bun (pão chinês bem branco e macio, feito no vapor, recheado com carne de porco, pepino agridoce, molho coreano a base de pasta de feijão, R$ 23 , 3 unidades) e também as novidades.

Pumpkin salad: abóbora japonesa, agrião, alface romana, sementes de girassol e molho de framboesa; os tradicionais pork buns

Na área de saladas, boas opções como a fresca de bem temperada Pumpkin Salad, composta por abóbora japonesa cozida, agrião, alface romana, sementes de girassol e molho de framboesa (R$ 25), a Barn House (baby rúcula orgânica, maçã Fuji e molho de cidra, R$ 23) e a Honey Mustard Chicken (peito de frango marinado em buttermilk, mix de folhas, aspargos, batatas, ovos frescos e honey mustard, R$ 34). Para principal foram criadas 9 opções. Provei o correto mas não ótimo Meatball Spaghetti, cujas “almôndegas” levam passas e pinoli (R$ 33, porção farta, com torradinhas pra chuchar no molho) e os bons Egg Benedict. Dois ovos (cujas gemas poderiam estar mais moles) sobre English muffin, fatia fina demais de gostoso bacon canadense, encorpado molho hollandaise e mix de folhas por R$ 27- é servido apenas do almoço, de segunda a sábado.

Eggs Benedict: os ovos com muffin, bacon e molho holandês só são servidos de segunda à sábado no almoço

Há também Barbecue Ribs (R$ 42), Cast Iron Skillet Eggs (ovos, bacon, espinafre, cogumelos frescos e ricota, R$ 31), T-Bone com alho assado, salada de espinafre e batata (R$ 87), Shrimp Pasta (penne com camarões, aspargos, pinoli, tomate seco e pimentão ao molho Alfredo, R$ 46) e filé mignon braseado com batatas country e creme de espinafre (R$ 53).

As sobremesas continuam apenas três. Vá de gostoso brownie com pedaços de macadâmia caramelizadas no mel, acompanhado de sorvete (R$ 19).

Bom brownie com macadâmias crocantes com mel e sorvete de macadâmia

Uma experiência gastronômica inesquecível? Não, mas sempre precisamos de uma. Há ocasiões em que queremos mesmo um lugar bonito, agradável, com comida correta, para reunir amigos e falar besteira. Sem neuroses, sem excesso de análises. Apenas curtir.

Barn: Rua Bandeira Paulista 164, Segundo Andar, Itaim Bibi, tel.:(11) 2367-1048. Por enquanto está abrindo apenas de quinta à sábado.

Fazer um comentário

Seja bem-vindo. Sua opinião é importante. Comentários ofensivos ou com identidades falsas serão reprovados.