Condessa: boas, bem sucedidas e fartas combinações fora da mesmice

Fartíssimo e saboroso medalhão de filé mignon com alho poró e risoto de cogumelos

  Há quase dez anos o Condessa se instalou na Vila Nova Conceição, bem antes ela ter se tornado o bairro mais chique-rico de São Paulo. O restaurante irmão da Mercearia do Conde (tem os mesmas sócias, Maddalena Stasi e a chef Flávia Mariotto) vai muitíssimo bem: numa noite chuvosa de quinta-feira, a casa estava lotada e com espera. Tudo bem que é pequenina– e, vale dizer, aconchegante e bem agradável– mas o fato é que se tornou uma referência de comida boa para os moradores e frequentadores do barrio. Não à toa: a comida de Flávia é rica em sabores, influências, aromas e texturas, o que faz os pratos saíram da mesmice de grande parte dos restaurantes de São Paulo.       

Samosas mistas: fritura sequinha, massa crocante

 O menu não é orientado para uma gastronomia específica, como deixa clara as opções de entradas: bolinho de bacalhau (R$ 34), rolinho primavera de pato com molho de tamarindo (R$ 28), samosas mistas (R$ 27). Fui na última. Sequinhas, fritas exatamente na hora, com massa fina e crocante e recheio delicado de legumes e aromático de carne, foram acerto. Enquanto esperava meu prato principal, pedi uma caipirinha de tangerina com saquê: bem preparada, com fruta fresquíssima e madura, desceu feito água… Um perigo, isso.    

Risoto de carne seca com mandioquinha palha e mostarda refogada

Então vejo, sendo trazido da cozinha, o meu Medalhão de filé mignon ao molho de alho poró e risoto de cogumelos (R$ 68): cheiroso, fartíssimo. O alto e macio filé veio no ponto exato que pedi: bem vermelho por dentro. Coberto por um molho encorpado de alho-poró, com lasquinhas da verdura frita, ficou um negócio de bom. O risoto que o acompanhava estava al dente, com muitas, muitas, muitas lascas de cogumelos porém com gosto equilibrado e com o acetinado dado pela manteiga.     

O pequeno salão do Condessa: decoração criativa, luz baixinha

Meu namorado foi de Risoto de abóbora com carne seca, mandioquinha palha e mostarda refogada (R$ 53)— estávamos meio risotentos naquela noite. Combinação divertida e feliz– e a crocância da mandioquinha deu todo o charme– mas ficou muito melhor e mais interessante depois de umas boas gotas da pimenta da casa. Como meu olho é maior que a barriga, fiquei bem curiosa para provar o cordeiro com ervas ao molho de laranja com risoto de aspargos e hortelã  (R$ 75) e o espaguete com polvo na manteiga ao limão com coentro e rúcula (R$ 55) mas, claro, só numa próxima visita.       

Torta cremosa de queijo com goiabada quentinha: arraso

Ah, sobremesas… Crocante, caramelada, morna, a Torta de nozes (R$ 16) arrasou combinada com o cremoso sorvete de canela. E, olha, comeria INTEIRA a  Torta de queijo branco com goiabada (R$ 14). Sei lá, mas Romeu e Julieta é, pra mim, uma dos casais mais felizes-para-sempre da gastronomia, em qualquer consistência e apresentação (inversamente proporcional a patetada de amor-eterno-me-mato-por-você da literatura e imaginário popular).       

O Condessa não é para aquelas pessoas que pedem sempre o mesmo prato, a vida toda, nem para quem odeia experimentar: o negócio lá é baseado na criatividade e na vontade de descobrir do que os sabores são capazes. E, olha, pelo que provei, a chef é muito bem sucedida na empreitada.    

Crocante Torta de nozes com sorvete de canela

Foi um jantar prazeroso, calmo e muito bom. O único porém são os preços tão fartos quanto as porções…      

Condessa: Rua João Lourenço, 367, Vila Nova Conceição; Tel.: (11) 3842-5141/ 3845-9607, São Paulo      

Fazer um comentário

Seja bem-vindo. Sua opinião é importante. Comentários ofensivos ou com identidades falsas serão reprovados.