Goshala: vegetariano indiano, sem soja e com ótimo tempero

Samosas de pupunha com curry e queijo meia cura com tomate e ervas; almôndegas de vegetais e farinha de grão de bico com molho de iogurte e especiarias e legumes grelhados no azeite

O que mais me irrita na imensa maioria dos restaurantes vegetarianos é o uso excessivo de soja. Ela está sempre lá na forma de “carne”, como salada, em grãos, em sucos, em sobremesas – é como se não houvesse outro ingrediente disponível. É como ela fosse a cura para todos os males. Ou, pode ser esse o caso, o cozinheiro seja preguiçoso. Quando olhei o menu do Goshala e notei a agradável ausência da soja, saquei que ali a comida vegetariana é tratada com mais respeito e pesquisa. Assim que provei alguns pratos, tive certeza.

Aberto em março deste ano, o Goshala se autodemonina como um restaurante de comida natural contemporânea – eu penso que ele é um indiano vegetariano. E muito bom, com ótima utilização de temperos e invejável ponto de cozimento de verduras e legumes. Mérito de Andréa Finocchiaro, vegetariana há dezessete anos, proprietária e cozinheira.

Risoto de aspargo, pecorino, abóbora e sementes de chia; moqueca de caju e pupunha com mix de arroz negro e branco

Em minhas duas visitas tomei a limonada indiana, feita com limão, abacate e manjericão (R$ 4,50), refrescante, herbal, espessa e levemente cremosa – gostei bastante. Como entrada, provei os crocantes e sutis os bolinhos de milho e aletria recheados com queijo meia cura (R$ 12, 6 unidades; pena que o queijo não veio derretido em todos) e as leves samosas (R$ 12, 6 unidades) recheadas com pupunha ao curry ou queijo com ervas e acompanhadas de adocicado chutney de tomate.

Limonada indiana (feita com limão, abacate e manjericão); bolinha de milho recheado com queijo meia cura

Todos os dias há sugestões de almoço ao preço de R$ 22, mas preferi experimentar as opções fixas do menu. Interessantíssima a equilibrada moqueca de caju, castanha de cajú e pupunha, com molho à base de cebola, pimentões (mas sem dominar o sabor dos outros ingredientes) e tomate, servida com mix de arroz negro e branco (R$ 25). Muitíssimo bem preparados os legumes grelhados – crocantes, frescos, vivos- que acompanham a kofta com molho de iogurte (R$ 23), espécie de almôndegas de vegetais e farinha de grão de bico regadas com molho quente de iogurte e especiarias.

Misti Doi (creme feio de iogurte, doce de leite e especiarias)

Outro prato bem do bom – inclusive no ponto do arroz- é o risoto camponês, com aspargos, pecorino, abóbora e sementes de chia (R$ 26). Para sobremesa, aconselho fortemente o Misti Doi, creme frio de iogurte feito na casa, doce de leite e especiarias como canela e cravo (R$ 11).

Vegetariano, sim. E tão saboroso que você nem sente falta de carne.

Goshala: Rua dos Pinheiros, 267, Pinheiros, tel.:  3063-0367

Fazer um comentário

Seja bem-vindo. Sua opinião é importante. Comentários ofensivos ou com identidades falsas serão reprovados.